Fundação Procon-SP constata diferença de quase 40% nos preços de panetones em Presidente Prudente

Levantamento realizado em sete supermercados da cidade comparou 73 itens de diferentes marcas que compõem a Ceia de Natal.

Por G1 Presidente Prudente

Fundação Procon-SP pesquisou preços de produtos da Ceia de Natal

A Fundação de Proteção e Defesa do Consumidor do Estado de São Paulo (Procon-SP) constatou uma diferença de até quase 40% nos preços de panetones e chocotones comercializados em supermercados em Presidente Prudente. Na maior diferença, que foi de 39,71%, os preços de um chocotone variaram entre R$ 17,88 e R$ 24,98, ficando na média de R$ 20,91, de acordo com os resultados divulgados nesta sexta-feira (15).

Para conferir a pesquisa na íntegra, clique aqui.

A equipe do Núcleo Regional de Presidente Prudente da Fundação Procon-SP realizou a pesquisa comparativa de preços de produtos que compõem a Ceia de Natal. Foram comparados os preços de 73 itens de diferentes marcas, entre azeites, bombons, carnes congeladas, cereal e farofas prontas, conservas, frutas em calda e panetones.

O objetivo do levantamento é esclarecer o público, oferecendo uma referência ao consumidor através dos preços médios obtidos dentro da amostra pesquisada.

Fundação Procon-SP pesquisou preços de produtos da Ceia de Natal (Foto: Reprodução/TV Fronteira)

A coleta dos preços foi realizada nos dias 4 e 5 de dezembro em sete supermercados de Presidente Prudente. Só fizeram parte da comparação os itens comercializados em no mínimo três dos estabelecimentos visitados.

As variações de preços constatadas referem-se aos dias em que a coleta foi realizada. A Fundação Procon-SP observa que os preços praticados atualmente podem ser diferentes, já que estão sujeitos a alteração conforme a data da compra, inclusive, por ocasião de descontos especiais, ofertas e promoções. Além disso, lojas da mesma rede podem praticar preços diferentes.

A maior diferença entre o maior e o menor preços constatada na pesquisa foi de 104,68% em uma farofa pronta. A variação foi de R$ 2,99 a R$ 6,12, com o preço médio ficando em R$ 4,70.

Fundação Procon-SP pesquisou preços de produtos da Ceia de Natal (Foto: Reprodução/TV Fronteira)

Orientações

“É recomendável que o consumidor faça uma lista dos itens necessários e procure quais estabelecimentos apresentam, além de um bom preço, facilidades na hora da compra, como, por exemplo, proximidade, estacionamento, descontos, promoções e opções de formas de pagamento, entre outros”, orienta a Fundação Procon-SP.

“Ao escolher quais alimentos irão para o carrinho de compras, é importante observar as informações que constam da embalagem – data de validade; lote, identificação do produtor/fornecedor; peso; medida; ingredientes; características nutricionais; SIF (Serviço de Inspeção Federal) se o alimento for de origem animal e se contém ou não glúten, no caso de alimentos industrializados”, prossegue o órgão estadual.

Outro alerta da fundação: ao passar os produtos pelo caixa, se houver diferença entre o preço registrado e o que estava informado na gôndola, prevalece o menor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *