Categories Brasil

Porta-voz diz desconhecer mapa de votos para Previdência após declaração de Guedes

BRASÍLIA (Reuters) – O porta-voz da Presidência, general Otávio Rêgo Barros, disse nesta sexta-feira desconhecer a existência dentro do governo de um mapa de votos favoráveis à reforma da Previdência no Congresso Nacional após declaração do ministro da Economia, Paulo Guedes, à Agência Estado, de que faltariam 48 votos para se chegar ao apoio necessário para aprovar a medida.

Ao mesmo tempo que disse desconhecer a existência de um mapa de votos sobre a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) da reforma da Previdência, Rêgo Barros disse que o presidente Jair Bolsonaro está otimista com a aprovação da medida no Parlamento.

A PEC da Previdência, que sequer começou a tramitar na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara dos Deputados, precisa dos votos de 308 deputados em dois turnos de votação e, posteriormente do apoio de 49 senadores também em dois turnos para ser aprovada.

Reportagem de Ricardo Brito