Sobre o Autor

Morgan Howen

Morgan is an example author of everest news. She has just a dummy image & content. Sedut perspiciatis unde omnis iste natus error sit voluptatem accusantium doloremque

Comerciantes de Prudente cobram apoio de Bugalho para salvar estabelecimentos

Com três meses de portas fechadas, os comerciantes de Presidente Prudente já temem pelo pior: a falência. Em busca de salvar os estabelecimentos e evitar a demissão em massa, uma reunião debateu medidas para a reabertura das lojas. Contudo, para tal, aguardam pela ajuda do prefeito Nelson Bugalho (PSDB).

O encontro foi realizado nesta quarta-feira (1º), na sede do Sindicato do Comércio Varejista (Sincomércio). Os empresários, com o apoio do sindicato patronal, pedem pelo retorno das atividades comerciais. Eles relatam dificuldades e a preocupação com o futuro dos funcionários.

"É difícil ver o aumento de casos do coronavírus mesmo com as lojas fechadas. Nós, comerciantes, chegamos num ponto em que não temos mais o que fazer com o funcionário. Precisamos urgentemente do comércio aberto", comenta o representante da Loja Giga, Adriano Ferreira dos Santos.

A ideia do grupo é a implantação de barreiras sanitárias, fiscalização da população sobre uso de máscara e distanciamento, além de um horário exclusivo para o comércio e diferente das agências bancárias.
"Sabemos o risco da doença e que é preciso respeitar as medidas preventivas. Mas, além disso, o comerciante e seus funcionários precisam trabalhar, precisam do sustento. Se todos trabalharmos juntos, vamos encontrar uma solução viável para ambas as partes", aponta o presidente do sindicato, Vitalino Crellis.

Desta forma, ele cobra apoio de Bugalho. "Ter o apoio dos representantes públicos é muito importante nessa fase que estamos passando e é isso que estamos buscando", frisa.

"Queremos o apoio do prefeito para a reabertura das lojas, por conta da questão financeira mesmo. Todos nós dependemos do comércio, seja para pagar os funcionários ou os fornecedores. Até porque, os gastos não param. Já usamos o auxílio do governo e, agora, fica a dúvida: De portas fechadas o que podemos fazer", diz a representante da Loja Ponto10, Joice Cristina de Souza Muchon.

Desejo distante
Obter o apoio de Bugalho e conquistar a reabertura do comércio segue cada dia mais distante. Após rebaixar Presidente Prudente para a fase vermelha, o governador João Doria (PSDB) afirmou que não abriria brechas para revisões, sendo que as regiões migrarão de fases diante da melhoria dos índices, entre eles, a estagnação de novos casos de coronavírus e de mortes.

Nos últimos dias, a região acompanhou uma crescente no total de casos, totalizando mais de 1,6 mil até o fim de junho. Já a capital do Oeste Paulista já soma 715 registros da doença.
Recentemente, Bugalho afirmou que não insistiria mais pela revisão dos dados e, consequentemente, a reabertura do comércio. A aposta é conscientizar a população sobre o isolamento social e uso de máscaras para frear a doença na cidade.

As informações são do Portal Prudentino.

Por Portal Bueno

Venceslau Editor

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com