Sobre o Autor

Morgan Howen

Morgan is an example author of everest news. She has just a dummy image & content. Sedut perspiciatis unde omnis iste natus error sit voluptatem accusantium doloremque

Conselheiro de vacina contra coronavírus dos EUA se reunirá com Biden esta semana

WASHINGTON (Reuters) – O principal conselheiro dos EUA para o desenvolvimento de uma vacina contra o coronavírus disse neste domingo que planeja se reunir com o presidente-eleito Joe Biden, esta semana, para discutir o programa antes da primeira rodada de vacinações, esperada para o fim deste mês.

Moncef Slaoui, conselheiro-chefe da Operação Warp Speed do governo norte-americano, afirmou que ele ainda não se reuniu com Biden, que na última semana criticou o plano de distribuição de vacinas de Trump.

“Estamos ansioso para isso porque na verdade as coisas foram realmente bem planejadas”, disse Slaoui, em uma entrevista ao programa “Face the Nation”, da emissora CBS.

Biden disse na sexta-feira que sua equipe não havia visto um plano detalhado do governo Trump para distribuir a vacina a vários estados, o que ele caracterizou como um processo caro e difícil.

“Não há plano detalhado que tenhamos visto, de qualquer maneira, para tirar a vacina do contêiner, colocar em uma injeção e colocar no braço de alguém”, afirmou Biden.

Slaoui afirmou que parte da “confusão” pode ser porque o plano do governo depende que agências estaduais de saúde distribuam a vacina.

“Eu acho que os planos existem e estou confiante que vamos explicá-lo, todos os detalhes. Eu espero que a nova equipe de transição entenda que as coisas estão bem planejadas”, disse, ao programa da CBS.

Os Estados Unidos sofrem com uma ressurgência do vírus, com níveis recordes de infecção e mortes diárias ultrapassando 2.000 nos últimos dias. Mais de 281.000 norte-americanos perderam a vida pela Covid-19, segundo contagem da Reuters.

A recusa do presidente Donald Trump de reconhecer a derrota para Biden na eleição presidencial de 3 de novembro causou um atraso no processo de transição que permitiu que conselheiros sanitários da Casa Branca se comunicasse com a nova equipe de saúde de Biden. MENSAGENS INCORRETAS

Socorristas, funcionários de saúde e moradores de casas de repouso estarão entre os primeiros grupos a receber a vacina, quando a Administração de Alimentos e Drogas dos EUA (FDA, sigla em inglês) aprová-la, o que deve acontecer em uma ou duas semanas. Os conselheiros externos da Administração devem e reunir na quinta-feira para analisar o pedido de uso emergencial da Pfizer para sua vacina.

Slaoui disse que o segundo grupo de pessoas que receberão a vacina deve incluir funcionários essenciais, como empregados dos Correios, em fevereiro e março, e depois a população geral.

Questionado no domingo quando os norte-americanos começarão a ver os impactos da vacina, Slaoui afirmou à CBS que isso pode acontecer para as pessoas mais suscetíveis em janeiro ou fevereiro.

“Mas em relação à população, para nossa vida começar a voltar ao normal, estamos falando de abril ou maio”, disse.

Com a vacina tão perto e a temporada de feriados de fim de ano se aproximando, especialistas sanitários dos EUA estão pedindo que os norte-americanos não relaxem nos protocolos de segurança – uso de máscaras, distanciamento social e evitar grandes aglomerações.

Venceslau Editor

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com