Categories Dr. Wilson DouradoSaúde

Cromo e os Exercícios Físicos

Durante o exercício o cromo é mobilizado de seus estoques orgânicos para aumentar a captação de glicose pela célula muscular, mas sua secreção é muito mais acentuada em presença de insulina. O aumento da concentração de glicose sanguínea induzida pela dieta estimula a secreção de insulina que, por sua vez, provoca maior liberação de cromo. O cromo em excesso no sangue não pode ser reabsorvido pelos rins, sendo, conseqüentemente, excretado na urina. É comum observar concentração aumentada de cromo na urina após grande ingestão de carboidratos, principalmente na forma de açúcares(2). A concentração plasmática de cromo aumenta durante exercícios aeróbicos prolongados e mantém-se elevada duas horas após o término da atividade(2). Tanto o efeito agudo quanto crônico do exercício físico provocam maior excreção de cromo pela urina nos dias de prática esportiva(29). As perdas urinárias de cromo geralmente não são restabelecidas rapidamente, em função da absorção intestinal deste mineral não ser suficiente para suprir o cromo perdido. Exercícios tanto aeróbicos quanto o treinamento de força aumentam a absorção de cromo intestinal, mas a perda urinária ainda é prioritária, resultando em balanço negativo de cromo, depleção e redistribuição dos estoques corporais deste mineral no pós-exercício. Diante disso, postula-se que atletas possam apresentar deficiência de cromo com mais facilidade que indivíduos sedentários ou moderadamente ativos(29). O objetivo de se sugerir o cromo como suplemento alimentar, voltado para o esportista, não decorre apenas da preocupação da ocorrência de deficiência orgânica, mas principalmente porque o cromo pode favorecer a via anabólica por meio do aumento da sensibilidade à insulina, que, por sua vez, estimula a captação de aminoácidos e, conseqüentemente, a síntese protéica, aumentando a resposta metabólica adaptativa decorrente do próprio treinamento. Este fato pode acarretar em aumento do componente corporal magro devido ao ganho de massa muscular. Ainda existe a especulação de um efeito lipolítico causado pelo cromo, porém os resultados de estudos em humanos ainda são controversos. Por outro lado, a suplementação de cromo pode auxiliar no controle da glicemia de indivíduos diabéticos engajados em atividade física(2,4,8,18,20,25,28).

Quer controlar sua diabetes ou apenas emagrecer? Conheça este suplemento rico em cromo, é o Cafelife da Omnilife.

http://www.omnilifesuplementos.com.br/opencartbrasil-3/index.php?route=product/product&path=59&product_id=51

#DrWilsonDourado #Diabetes #Emagrecer #VidaSaudavel #2019 #AnoNovo #VidaNova #saude #saudedamulher #saudeebemestar #saudeetudo #cozinhecomsaude #saudeebeleza #emagrecendocomsaude #saudeevida #saudeemfoco #saúde #saudeesabor #saudenoprato #saudebemestar #saudeeboaforma #emagrecercomsaude #saudefisica #emagrecacomsaude #saúdeebemestar #dicasdesaude #saudeintegral #saúdeequalidadedevida #saudeequalidadedevida #dicasdesaúde #diabetes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *